Now Reading:
7 dicas para ter mais segurança em casa
Full Article 6 minutos lido

Muitas pessoas preferem morar em uma casa pela liberdade e privacidade, além do maior espaço para crianças, animais de estimação e cultivo de plantas e hortaliças. Contudo, os cuidados com a segurança da casa precisam ser considerados na hora de escolhê-la.

Quem mora em casa, principalmente nos movimentados centros urbanos, sabe a importância da prevenção contra a criminalidade para manter o bem-estar da família. Existem soluções eficientes que vão desde a proteção da parte estética do imóvel até a instalação de muros e portões.

Neste artigo, vamos dar dicas de equipamentos e sistemas que devem ser usados nas casas e mostrar alguns cuidados importantes para aumentar a proteção de toda a família. Confira!

Dicas de como ter mais segurança em casa

Para garantir mais segurança residencial, pequenas atitudes podem levar privacidade e conforto para os moradores. Separamos algumas dicas importantes na hora de investir na proteção de uma casa.

1. Participe da rede de vizinhos protegidos da PMMG

A Rede de Vizinhos Protegidos é uma estratégia desenvolvida pela Polícia Militar de Minas Gerais que visa o envolvimento da comunidade na prevenção de crimes em seus bairros. Os vizinhos se tornam agentes de uma segurança compartilhada, ajudando na diminuição de crimes contra o patrimônio.

Por meio dessa união, é possível garantir mais segurança para toda a região. Os vizinhos se unem para criar um monitoramento coletivo dos imóveis de uma determinada rua. Todos se prontificam a ficar atentos a movimentações suspeitas e, quando identificam algo estranho, entram em contato com a polícia.

2. Use a tecnologia ao seu favor

A tecnologia é uma importante aliada dos moradores na hora de planejar a segurança residencial. Atualmente, o mercado oferece variadas opções tecnológicas que ajudam as pessoas a se sentirem protegidas dentro de suas casas. A instalação de câmeras de segurança, geralmente, é a primeira providência. Elas devem ser instaladas em pontos estratégicos das casas, tanto nas áreas externas quanto nos principais cômodos.

As câmeras permitem visualizar a movimentação no portão e quintal e os modelos com acesso remoto, ou seja, via smartphone, são bastante eficientes. Outra tecnologia muito usada para proteger as casas são as cercas elétricas. Elas são excelentes meios de proteção para residências com muros baixos e ajudam a inibir a entrada de estranhos. As mais eficientes são aquelas que disparam som ao serem tocadas.

Os alarmes também são ótimas alternativas para quem busca mais segurança residencial. Esses equipamentos, quando disparados, soam muito alto e chamam bastante atenção da vizinhança, fazendo com que os criminosos evitem a entrada em casas que têm esse sistema. Os alarmes podem ser ligados, 24 horas, a uma empresa de vigilância, que será a responsável por checar o local caso sejam acionados.

3. Cuidado ao contratar profissionais

Todas as vezes que for preciso contratar profissionais para realizar obras ou prestar qualquer outro tipo de serviço dentro da sua residência, é fundamental pesquisar as referências da empresa com atenção. Como essa pessoa vai entrar na sua casa e pode ter acesso a itens valiosos, é essencial contratar uma empresa de renome para garantir mais segurança para você e sua família.

4. Troque cadeados por travas de segurança

Os cadeados são muito fáceis de serem danificados e arrombados, além de indicar se tem ou não pessoas em casa, facilitando a vida dos possíveis invasores. Por isso, a recomendação é trocar os cadeados por travas de segurança. Existem muitas opções de produtos e acessórios para portas e portões.

Eles podem ser instalados no acesso de entrada e, também, nos outros cômodos, aumentando a segurança e a privacidade. As travas de segurança podem ter funcionamento digital, por sensores de proximidade, transponders, dobras de plástico ou fixador magnético.

5. Tenha um portão eletrônico

Na hora de entrar em casa, é preciso atenção redobrada, já que esse é considerado um dos momentos mais propícios para a ação de criminosos. Os invasores têm o costume de acompanhar a rotina dos moradores, aproveitando os momentos de vulnerabilidade para adentrarem na residência. Ter um portão eletrônico é uma das saídas mais eficientes para garantir segurança e diminuir as chances de você se tornar alvo desse tipo de delito. A dica é ter atenção para não esquecê-lo aberto depois de entrar em casa.

6. Avalie a necessidade de um seguro residencial

Ter um seguro residencial é uma forma de garantir a segurança de um imóvel. Ele é indispensável para proteger o patrimônio, não só da ação dos criminosos, mas também de diversos outros fatores, como estragos feitos por chuvas fortes ou descargas elétricas. Existem seguros que oferecem todo suporte financeiro necessário para lidar com questões, como: incêndios, tornados, queda de árvore, inundações, além de assistência 24 horas com serviços de chaveiros e vidraceiros.

7. Mantenha sua casa iluminada

A iluminação é um item essencial para manter a segurança e valorizar uma casa. Ela é inimiga do invasor, já que se torna difícil se esconder em um quintal com muitas luzes. Faça o uso de uma iluminação com sensores de presença nos caminhos de acesso e no jardim.

Além disso, mantenha as lâmpadas fora do alcance para evitar que sejam removidas. Todos os lugares que levam até a casa precisam estar bem iluminados, inclusive na entrada. Utilize a luz em pontos que possam servir como esconderijo para as pessoas mal-intencionadas.

Alguns cuidados básicos

Pequenos cuidados corriqueiros devem ser tomados para evitar a ação de criminosos e proporcionar mais segurança ao seu lar. Não deixe suas chaves em balcões, na rua, no jardim ou em lugares desconhecidos que facilitem o roubo das mesmas.

Tenha cuidado ao entrar em casa de carro. Se perceber alguma movimentação estranha, vá para um lugar seguro e ligue para um vizinho ou para a polícia. Outro cuidado que pode ser tomado é tentar mudar a rotina da casa periodicamente. Sair um pouco mais tarde ou mudar a rota são detalhes que fazem diferença na hora de manter a proteção residencial.

Portanto, a segurança em casa é primordial para garantir a tranquilidade dos moradores. É preciso todo cuidado na hora de escolher os melhores itens de proteção para o imóvel. Conte com empresas especializadas e com os avanços tecnológicos para levar mais proteção à sua família.

Gostou deste artigo? Siga a Anuar Donato Consultoria Imobiliária no Instagram e YouTube e se mantenha informado sobre tudo que acontece no mercado imobiliário!

Input your search keywords and press Enter.