Como escolher a iluminação ideal para cada cômodo da sua casa

Quando o assunto é reforma, pensar na  iluminação é essencial, afinal de contas, além de ser desconfortável, ninguém gosta de ficar em um lugar onde iluminação ruim e a gente tem que forçar as vistas para enxergar direito, não é mesmo? 

Pensando nisso, trouxemos este artigo com algumas dicas para ajudar você a escolher a iluminação ideal para cada cômodo da sua casa. Confira!

Por que é necessário escolher a iluminação correta para cada cômodo?

Poucas pessoas sabem ou entendem, independente se a casa seja pequena ou grande, pensar na iluminação é fundamental, porque um cômodo com uma iluminação inadequada afeta diretamente a nossa produtividade. E em tempos em que muitas empresas têm adotado o Home Office como estratégia de trabalho, a produtividade é o fator primordial. 

Outro exemplo, o quarto normalmente é um lugar de descanso, logo, é necessário uma iluminação que proporcione a sensação de conforto. Mas, vamos por partes antes que dê um nó na sua cabeça. 

Um erro bem comum que acontece é o excesso de pontos de luz. Ou seja, em algumas situações as pessoas podem usar muita luz ou posicionar incorretamente as peças disponíveis. Por isso, para escolher a iluminação ideal, é necessário levar em consideração fatores, como: hábitos e horários de uma família e como ela utiliza cada cômodo. Veja abaixo as dicas. 

Sala de estar: a sala de estar é o cômodo onde costumamos receber amigos e família. Nela aproveitamos momentos de tranquilidade e comunhão e por isso deve ser um lugar que transmita a sensação de conforto e tranquilidade. 

Uma boa dica é mesclar a iluminação, exemplo: peças embutidas ou sobrepostas como luminárias de piso, abajures e arandelas que possam compor a decoração. 

Hall de entrada: A iluminação desse cômodo pode ser mais geral, usando um estilo de iluminação que componha o ambiente e complemente a decoração e os móveis.

Sala de jantar:  Esse espaço exige uma iluminação mais suave. Por ser o local onde usualmente se realiza as refeições, a iluminação precisa estar mais concentrada na mesa de jantar. 

Pode-se usar lustres ou pendentes sobre a mesa, além de mesclar com alguns objetos e decorações que possam deixar o ambiente mais confortável.

Cozinha: É preciso ter em mente que uma boa iluminação na cozinha é aquela que permite deixar as cores dos alimentos mais visíveis. Por isso, o ideal é optar por lâmpadas frias de 5.000 K a 6.500 K ou neutras (4.000 K). 

Quarto: No começo do texto falamos sobre o quarto exigir uma iluminação que traga a sensação de aconchego. Nesse sentido, é possível trabalhar com luminárias ao lado da cama, além da fita de LED atrás da cabeceira ou sob a cama, criando uma luz guia.

Banheiro: É essencial que o banheiro tenha uma iluminação funcional, ou seja, o momento do banho costuma ser um momento de relaxamento e por isso, a iluminação tende a ser mais suave e indireta.

Além disso, é necessário pensar também na iluminação próxima ao espelho, uma vez que facilitará em tarefas como maquiar ou fazer a barba. 

Você pode optar por uma arandela sobre a bancada, luzes de LED ao redor do espelho e até mesmo fita de LED atrás do espelho. 

Espaço gourmet: Neste espaço opte por uma iluminação que traga mais funcionalidade, como plafon ou pendentes (os pendentes são muito utilizados nas bancadas, churrasqueiras e mesas). Esses elementos tendem a deixar o espaço bem moderno. 

Luz branca ou  luz amarela, qual é a melhor opção?

Essa é uma dúvida bem comum e ambas tendem a interferir nas sensações transmitidas pelos ambientes. Mas qual é a melhor opção?  

Bom, é comum optarmos por luz amarela para áreas íntimas e sociais e luz branca para áreas de trabalho e cozinha, em que será necessário estar alerta e ter um foco maior. Isso porque as lâmpadas amarelas trazem uma sensação maior de aconchego, enquanto as lâmpadas brancas permitem um maior estado de alerta, além de ajudar na identificação exata das cores e formas.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com aquele seu amigo que ama dicas de decoração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.